Ságuas articula e Câmara aprova criação da Universidade Federal de Rondonópolis

Campus da recém criada Universidade Federal de Rondonópolis

PL propondo a criação da Universidade foi encaminhado ao Congresso pela então presidenta Dilma

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou por unanimidade na terça-feira (19.12), o Projeto de Lei (PL) 5273/2016 de autoria do governo Dilma, que cria a Universidade Federal de Rondonópolis. A aprovação ocorreu por consenso entre os partidos, a partir da articulação do deputado federal Ságuas Moraes (PT), junto à Oposição e do deputado Daniel Vilela (PMDB), na base do governo.

Ságuas que foi o relator do PL na Comissão de Educação citou que desde a semana passada o Projeto estava pronto para ser votado, mas o presidente da Casa, Rodrigo Maia, não o colocou na pauta do plenário. Além da UF de Rondonópolis, foi aprovada a criação das Universidades Federais de Jataí e Catalão, ambas em Goiás; e da Universidade Federal do Delta do Parnaíba, no Piauí; todas criadas no governo Dilma.

De acordo com o petista, o consenso entre os partidos foi fundamental pois caso ocorresse alguma divergência em plenário, a votação seria nominal, o que poderia ter inviabilizado a aprovação. Ele ainda ressaltou que mesmo com maioria para aprovar o texto, se a base do governo tivesse apresentado alguma discordância, o Planalto poderia trabalhar para prejudicar no Senado, a aprovação das novas Universidades.

“Desde a semana passada trabalhei na busca da unidade entre os partidos de Oposição e o deputado Daniel Vilela trabalhou para que os partidos da base também votassem unidos, pela criação das novas Universidades. Ao final, a bancada do Piauí também conseguiu apoio pela criação da Universidade do Delta do Parnaíba”, explicou Ságuas.

Federal de Rondonópolis

A transformação do campus da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), localizado em Rondonópolis, em Universidade Federal autônoma é um sonho antigo da comunidade acadêmica da região sul do Estado.

No dia 09 maio de 2016, a então presidenta Dilma assinou em cerimônia no Palácio do Planalto, a mensagem de criação das Universidades. O texto foi encaminhado à Câmara e tramitou como Projeto de Lei. Ao relatar na Comissão de Educação o PL de criação da Federal de Rondonópolis, Ságuas destacou que a nova Universidade “beneficiará toda a população do sudoeste de Mato Grosso e contribuirá para o desenvolvimento da região”.

Com a aprovação na Câmara, a matéria seguiu para tramitação no Senado Federal.

Assessoria de Imprensa

Deputado Federal Ságuas Moraes (PT-MT)